Os escritos de Lactâncio têm tal estilo e graça que ele foi chamado o Cícero cristão. Supõe-se que ele era nativo da África, onde se tornou proeminente como professor de retórica. Diocleciano o convidou a morar em Nicomédia e ensinar lá, mas ele teve tantas dificuldades ali que se concentrou na composição. Ele se tornou cristão já em idade avançada e foi contratado pelo Imperador Constantino para ensinar seu filho Crispo. Os escritos de Lactâncio defendem a fé cristã e refutam as heresias predominantes.

Leia agora um de seus devocionais:

Tenha compaixão

Tenho-vos mostrado em tudo que, trabalhando assim, é mister socorrer os necessitados e recordar as palavras do próprio Senhor Jesus: Mais bem-aventurado é dar que receber

Atos 20:35

É adequado que os retos apoiem os pobres e resgatem os cativos, uma vez que os injustos estimam quem faz essas coisas. Afinal, é merecedor do maior elogio aquele que concede benefício quando ninguém esperava dele tal conduta, porque quem faz o bem a parentes, vizinhos ou amigos não merece elogios ou, pelo menos, nenhum grande elogio, porque é obrigado a fazê-lo. Eles seriam ímpios e detestáveis se não fizessem o que a natureza e o relacionamento exigem. E, se o fazem, não é tanto para obter glória, e sim para evitar repreensão. Porém, quem faz isso a um estranho e a um desconhecido é verdadeiramente digno de louvor, porque foi levado a fazê-lo somente por bondade. A justiça existe onde não há obrigação de servir. …Deus promete uma grande recompensa pela misericórdia: Ele perdoará todos os pecados. Ele diz que, se você ouvir as súplicas de quem lhe pedir ajuda, o Senhor também ouvirá a sua apelação. Se você tiver misericórdia dos aflitos, Ele terá misericórdia da sua aflição. Porém, se você não tiver consideração por eles, nem lhes prestar assistência, Deus terá a mesma disposição contra você e o julgará segundo as suas próprias leis.

A justiça existe onde não há obrigação de servir

Gostou? Garanta já seu exemplar!

Google Play
Apple Books
Amazon Kindle
Livro Físico