Lukas no hospital

Para o Beto ficar internado no hospital está sendo uma coisa muito chata. Além de ser um lugar muito assustador também não tem nada para fazer. O lugar é muito estranho, pois não só as paredes são brancas, mas todos se vestem da mesma cor. Beto pensava que só a noiva se vestia de branco, mas parece que não é assim. Gente correndo de lá para cá, alguns com dores e outros espirrando a cada cinco segundos.

É estranho este lugar chamado hospital e Beto fica muito triste. As mulheres vestidas de branco, parecem olhar para ele com medo. Elas lhe perguntaram tanta coisa que Beto chegou a ficar atordoado, nem a mãe lhe faz tanta pergunta assim. Mesmo com a presença da mãe que o cuida com carinho e amor, Beto sente muita falta dos seus amigos, Lukas e Aninha. Os três já encararam tantas aventuras juntos que eles são sem dúvida uma verdadeira turma radical!

Contudo, no hospital não há aventuras e o ambiente é muito estranho mesmo. O pior é que tudo está ficando assustador, falaram até de tirar o sangue do Beto. Como assim tirar o sangue? “Isso é coisa de vampiros!”, pensa ele, mas a mãe insiste em que vampiros não existem e que são só personagens de mentirinha dos livros que Aninha gosta de ler. Mas como então um cara vai lhe sugar o sangue? Será que eles têm vampiros no hospital?

Para piorar, disseram que iam levá-lo para fazer um exame da barriga, que tirariam uma foto do esqueleto e que colocariam uma agulha no seu braço para lhe dar alimento. Como assim? Nunca ninguém viu isso de comer pelo braço. Beto também não. Comer é pela boca, pelo menos é assim que sua mãe e todas as mães do mundo ensinam aos seus filhos.

Por essa razão Beto sente uma saudade enorme dos seus amigos, pois com certeza juntos descobririam grandes mistérios. Com eles por perto, o hospital seria uma superaventura. Beto tem que ficar de repouso sem nada divertido para fazer. Tudo está muito chato! Ficar doente, aliás, é muito chato e ficar no hospital também. Mamãe lhe explica que tudo é para o seu bem e ela tem razão mas, por que hospital não pode ser como um parque de diversões? Quem sabe as pessoas sorririam mais neste lugar.

É o primeiro dia de internamento e Beto vai dormir, sem imaginar as surpresas e as aventuras que ele e seus amigos viverão nos próximos dias.

Descubra o que vai acontecer na história em quadrinhos Lukas no hospital.